FacebookTwitterGoogle+Linkedin
Baralho Literário
K
Segundo a minha querida amada, se eu morresse, não haveria nada mais justo, ninguém perceberia a minha ausência e o Planeta Terra passaria bem sem mim, além de que eu seria acolhido no seio do local onde eu merecia morar eternamente: a profundeza dos infernos. Mais peculiarmente, num quartinho especial reservado aos lerdos e paspalhos no qual as chamas ardem mais fortes.Clicando aqui, você assiste ao vídeo
K
J
O tempo passou
E você ficou pra trás
O seu rock and rall
É de outros carnavais.

E o que resta
É uma porta com fresta
E o passado
Atrás dela irritado
Perdido no escuro
Já não faz parte do futuro.Clicando aqui, você lê a poesia completa
J
8
O meu destino
Eu mesmo invento
Desatino
Acrescento:

Nada vai mudar
As leis do Talião
Eu vou ter que cegar
A sua visão.
(Trecho da letra "Meus passos vagarosos")
Clicando aqui, você ouve a música
8
Clique sobre o baralho!